Alfabetização e Consciência Fonológica
5:55 PM | Author: Thalita
Mais um trabalho da Faculdade. Esse foi para a disciplina Alfabetização, com a profª Iara Farias, que não posso deixar de comentar, é uma das melhores (se não a melhor) professora que já tive nessa Faculdade (UFBA - curso Pedagogia). Fala sobre Consciência fonológia e ficou bem ineteressante, espero que seja proveitoso a muitos!


Alfabetização e Consciência Fonológica

A consciência fonológica é a percepção do som da fala. É uma capacidade cognitiva a ser desenvolvida, a qual contribui no processo de aquisição da leitura e da escrita. Sua importância está ligada a compreensão do principio alfabético e ao desenvolvimento de habilidades como o reconhecimento de sílabas e fonemas numa palavra.
Diversas formas lingüísticas que uma criança tem contato estando inserida numa cultura contribuem para a formação de sua consciência fonológica, dentre elas pode-se destacar as músicas, cantigas de roda, poesias, parlendas, jogos orais e a fala, propriamente dita. (NASCIMENTO, 2006)

O uso da consciência fonológica por professores alfabetizadores é de grande importância, visto que esta ajuda no desenvolvimento de habilidades pelo aprendente, essas habilidades estão relacionadas à correspondência grafonemica, onde “o sistema alfabético de escrita associa um componente auditivo fonêmico a um componente visual gráfico” (GUIMARÃES, 2006). E para se compreender o sistema alfabético são necessárias algumas habilidades como “a consciência de que é possível segmentar a língua falada em unidades distintas e a consciência de que essas mesmas unidades repetem-se em diferentes palavras faladas” (GUIMARÃES, 2006), isso corresponde a consciência de sílabas e a consciência de palavras. Podendo-se então utilizar recursos da consciência fonológica para obter esses resultados, ou seja, para se ter “o conhecimento geral dos segmentos que compõe a fala (rimas, aliterações, sílabas e fonemas).” (GUIMARÃES, 2006)

Rimas e aliterações
“A rima representa a correspondência fonêmica entre duas palavras a partir da vogal da sílaba tônica” (NASCIMENTO, 2006). E aliteração é uma figura de linguagem na qual existe a “repetição de um ou mais fonemas no começo, no meio ou no fim de palavras próximas ou simetricamente dispostas”. (www.tvcultura.com.br/aloescola/literatura/poesias/glossario.htm).
É notada a importância do trabalho de consciência fonológica por meio de identificação de rimas e aliterações, pois estes contribuem no desenvolvimento de habilidades nas crianças no início da instrução formal em leitura (mais ou menos aos seis anos de idade)“ (GUIMARÃES, 2006), como, p.ex., a habilidade de identificação da sílaba inicial e de identificação de fonema inicial revelando-se capaz de prever significativamente a capacidade de leitura e de escrita .
Esta pode ser trabalhada pelos professores alfabetizadores com propostas como as sugeridas no Protocolo de Tarefas de Consciência Fonológica baseado em Cielo (in Paes e Pessoa, 2005), como por exemplo:
Detecção de rimas: eu vou dizer três palavras, duas rimam e uma não. Qual não rima?
- LATA / DEDO / MEDO
- CHUPETA / BIGODE / ROLETA

Consciência de Palavras
É a capacidade de dividir uma frase em palavras e organizá-las de uma forma que haja significado. “Esta habilidade tem influência mais precisa na produção de textos e não no processo inicial de aquisição de escrita. Ela permite focalizar as palavras enquanto categorias gramaticais e sua posição na frase”. (NASCIMENTO, 2006)
“Como exemplo de atividade de consciência de palavras e segmentação de frases, o aplicador deve falar uma frase e depois a repete sem a última palavra, a criança deve dizer, então, a palavra que faltou, por exemplo, /Eu passeio de bicicleta. Eu passeio de ____/ “ (LOPES, 2004).

Consciência de Sílaba
A consciência silábica se define na capacidade de segmentação das palavras em sílabas, ela contribui, entre outros benefícios, para que a criança identifique as partes de que a palavra é formada, que esta consiga perceber que sílabas utilizadas numa palavra podem também ser utilizadas em outras, ou ainda que retirando ou acrescentando uma sílaba numa palavra esta terá outro significado. Exemplos de propostas a serem trabalhadas: Eu vou falar como um robô, adivinhe a palavra que o robô diz: CO-PO / SA-PA-TO. (PAES e PESSOA, 2006)
“A consciência de sílaba pode ser trabalhada também em atividades que apresentem a síntese silábica. Como exemplo pode-se usar um jogo com fantoches em que esses dizem palavras separando as sílabas, sendo que as crianças devem dizer a palavra inteira, unindo as sílabas faladas pelo fantoche”.(LOPES, 2004)

Consciência Fonêmica
É a capacidade de identificar, analisar e refletir sobre os fonemas que compõe uma palavra. “Segundo as pesquisas de Cardoso-Martins(1995) a consciência fonêmica representa o nível de consciência fonológica que tem o papel mais importante na aquisição da leitura e da escrita em Português.” (GUIMARÃES, 2006)

“A consciência fonêmica pode também ser trabalhada com a síntese de fonemas em jogos nos quais o aplicador deve apresentar palavras ou pseudopalavras em que cada fonema é representado por uma forma geométrica. Adicionam-se, então, formas geométricas no início, fim e meio dos itens para formar diferentes palavras. O aplicador deverá apresentar os cartões para as crianças e informar que cada um dos cartões irá representar um fonema distinto. Essa atividade possui como principal objetivo mostrar que, pela modificação na arrumação dos fonemas nas palavras pode-se formar outras palavras distintas”.(LOPES, 2004)

Conclusão
Com o estudo acerca da consciência fonológica podemos perceber a sua importância no processo de aquisição da língua escrita. Diversas pesquisas revelam que “a consciência fonêmica é o melhor preditor para a aquisição da leitura e escrita, devendo, durante a alfabetização, ser treinada, uma vez que não surge espontaneamente nas crianças” (JARDINI E SOUZA, 2006). De acordo com pesquisas de GOMES, CAMPOS, NASCIMENTO e NOGUEIRA (2006) seguindo-se as realizações de atividades de consciência fonológica foi constatado que as “crianças evoluíram na escrita, produções de texto e leituras, demonstrando um melhor desempenho na leitura e compreensão de histórias ou enunciados de atividades”. Certificando que o trabalho com consciência fonológica contribui de forma significativa no aprendizado dos educandos.


REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS:
- CARDOSO-MARTINS, Cláudia and PENNINGTON, Bruce F. What is the Contribution of Rapid Serial Naming to Reading and Spelling Ability?: Evidence from Children and Adolescents with and without Reading Difficulties. Psicol. Reflex. Crit. [online]. 2001, vol.14, no.2 [cited 20 June 2006], p.387-397. Available from World Wide Web: . ISSN 0102-7972.

- CARNIO, Maria Sílvia y SANTOS, Daniele dos. Phonological awareness improvement in primary school students. Pró-Fono R. Atual. Cient. [online]. mayo/ago. 2005, vol.17, no.2 [citado 18 Junio 2006], p.195-200. Disponible en la World Wide Web: . ISSN 0104-5687.

- CARVALHO, L. A.; COSTA, S. N. S.; RABELO, P. S. T.; RANGEL, S. B. O. P. Consciência fonológica e Alfabetização. Disponível em: Acesso dia: 18 de Junho de 2006.

- DEUSCHLE, Vanessa Panda; DONICHT, Gabriele e PAULA, Giovana Romero. Distúrbios de Aprendizagem: Conceituação, Etiologia e Tratamento. Disponível em: <http://www.psicopedagogia.com.br/artigos/artigo.asp?entrID=841 Acesso dia: 19 de Junho de 2006.

- LOPES, Flavia. O desenvolvimento da consciência fonológica e sua importância para o processo de alfabetização. Psicol. esc. educ. [online]. dez. 2004, vol.8, no.2 [citado 19 Junho 2006], p.241-243. Disponível na World Wide Web: . ISSN 1413-8557.

- GODOY, Dalva. A Evolução das Habilidades Fonológicas e de Leitura e Escrita de crianças brasileiras alfabetizadas em dois métodos distintos. Disponível em: http://fsmorente.filos.ucm.es/Publicaciones/Iberpsicologia/lisboa/godoy/godoy.htm Acesso dia: 20 de Junho de 2006.

- GOMES, Juliana de A..; CAMPOS, Síntia P. Sá; NASCIMENTO, Fabiana V. Gonçalves; NOGUEIRA, Liliana A. Psicogênese da língua oral e escrita: formando o professor-alfabetizador. Disponível em: <http://www.isecensa.com.br/arquivo/revista/revista.pdf?codigo=24> Acesso dia: 18 de junho de 2006.

- GUIMARAES, Sandra Regina Kirchner. Dificuldades no desenvolvimento da lectoescrita: o papel das habilidades metalinguísticas. Psic.: Teor. e Pesq. [online]. jan./abr. 2003, vol.19, no.1 [citado 18 Junho 2006], p.33-45. Disponível na World Wide Web: . ISSN 0102-3772.

- MARTINS, Vicente. Leitura, Dislexia e Consciência Fonológica. Disponível em: Acesso dia: 18de Junho de 2006.

- REGO, Lúcia Lins Browne y BUARQUE, Lair Levi. Syntactic awareness, phonological awareness and the acquisition of spelling rules. Psicol. Reflex. Crit. [online]. 1997, vol.10, no.2 [citado 18 Junio 2006], p.199-217. Disponible en la World Wide Web: . ISSN 0102-7972.

- PAES, Cristiane T. de Siqueira; PESSOA, Ana Cláudia Rodrigues G. Habilidades Fonológicas em crianças não alfabetizadas. Disponível em: Acesso em: 18 de Junho de 2006.
|
This entry was posted on 5:55 PM and is filed under . You can follow any responses to this entry through the RSS 2.0 feed. You can leave a response, or trackback from your own site.

16 comentários:

On 9:43 AM , Thalita disse...

EBAAAAAAAAAA!!!!!
TIREI NOTA BOA NESTE TRAB!!!!
valendo 6,0 foi 5,5!!! hehehehehe
Jesus é bueno!!!!
Jesus is good for me!!!!
and my favorite teacher too!!!!
Iara vc eh 10!!!

 
On 6:17 AM , João Maria Andarilho Utópico. disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
 
On 6:18 AM , João Maria Andarilho Utópico. disse...

É Thalita este trabalho ficou excelente, Vou postar em meu blog e deixar os devidos creditos e um link apontando para seu blog. Isto se vc permitir.

 
On 7:12 AM , Thalita Coisa e Tal disse...

Nossa... já faz tanto tempo que fiz esse trabalho...

Que bom que ainda é útil!!

João, é claro que pode usar!!!
É só colocar os devidos créditos!!

bjs

 
On 9:43 AM , João Maria Andarilho Utópico. disse...

Obrigado Thalita, este seu artigo está sendo votado pelos visitantes do blog eles também estão achando excelente .
Valeu WooHoo.

 
On 10:48 AM , Juliana M. disse...

Olá Thalita, só estou passando pra deixar registrado que este seu trabalho me ajudou muito no meu estudo para uma prova de linguagem!Obrigada!

 
On 11:20 AM , Thalita Coisa e Tal disse...

Que bom que foi útil Juliana!
É muito bom saber que trabalhos que fiz a tanto tempo ainda podem e são aproveitados por outras pessoas!!

=)

 
On 1:12 PM , David James Loureiro disse...

Oi Talita. Adorei teu blog. Tem tudo a ver com o meu objetivo de estudo. Leciono para crianças e faço Letras, estudo LIBRAS pelo curso aos sábados e estou no 6º semestre, tendo como tema de TCC "A Fonologia na Alfabetização", por isso gostaria de trocar experiências contigo. Tens orkut e/ou msn... Meu email é davidjamesloureiro@yahoo.com.br (orkut também) e meu msn é jimdave26@hotmail.com
Espero que sejas minha amiga... Parabéns... Beijinhos mil...

 
On 6:45 AM , Anônimo disse...

Muito bom o seu trabalho,,, vou usá-lo como exemplo na reunião de pais de hoje,,,
Parabéns!!
Friburgo/RJ

 
On 1:28 PM , Anônimo disse...

Прикольная идея, как скоро ожидается публикацию свежего материала и вообще стоит ждать ?

 
On 11:28 AM , Anônimo disse...

Привет Талия. Я любил вашего блога. Он имеет все, что с моей цели исследования. Я учу детей и письма, конечно LBS исследования по субботам до 6 часов утра в первой половине, с темой ТОС "Фонология в грамотности", так что я хотел бы обменяться опытом с вами. Вы Orkut и / или MSN ... Моя электронная почта davidjamesloureiro@yahoo.com.br (Orkut) и My MSN является jimdave26@hotmail.com
Я надеюсь, что вы мой друг ... Поздравляем ... Поцелуи млн. ...

 
On 8:03 PM , Paulo Gurgel disse...

Gostei, Thalia...Muito bom.

 
On 8:03 PM , Paulo Gurgel disse...

Gostei, Thalia...Muito bom.

 
On 8:03 PM , Paulo Gurgel disse...

Gostei, Thalia...Muito bom.

 
On 7:46 PM , socorro disse...

Muito bom Thalita. Obrigada! e sucesso

 
On 12:41 PM , Marlise Tubarão-sc disse...

THALITA GOSTEI MUITO DESSE TRABALHO, FICOU BEM SIMPLIFICADO, FÁCIL DE ENTENDER.